Me Chame Pelo Seu Nome | Livro que inspirou filme terá uma sequência

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A sequência de Me Chame Pelo Seu Nome ganhou mais um capítulo na última segunda-feira (3).

André Aciman, escritor do livro que inspirou o filme, usou o Twitter para afirmar que “amaria uma sequência de Me Chame Pelo Seu Nome”. Essa paixão é tanta que o autor contou que está escrevendo uma.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ao que parece, as publicações foram feitas como um recado direto ao roteirista James Ivory, que escreveu o filme. Na última semana, o veterano chegou a dizer ao Indie Wire que nem ele e nem Aciman queriam uma sequência de Me Chame Pelo Seu Nome.

André Aciman apenas riu da ideia. Ele disse que não é uma boa ideia. Eles não podem fazer a sequência, digo, sem Aciman junto. É o seu personagem e a sua história. Mas eu vi que a ideia morreu um pouco. Não ouvi falar mais nada”, havia afirmado Ivory.

Me Chame Pelo Seu Nome | James Ivory e criador da história não querem uma sequência

Para apimentar mais ainda a polêmica, Armie Hammer respondeu a publicação de André Aciman com um “BOOM”.

“Eu amaria uma sequência de Me Chame pelo Seu Nome. Na verdade, estou escrevendo uma”, publicou Aciman, que logo depois recebeu a resposta do ator – veja abaixo.

Anteriormente, o diretor Luca Guadagnino revelou ter uma ideia para uma sequência, que consistia em levar os personagens de Hammer e de Timothée Chalamet para os anos 1990, cerca de 5 anos depois dos acontecimentos do primeiro filme.

Me Chame Pelo Seu Nome foi aclamado pela crítica em seu lançamento em novembro do ano passado. O filme recebeu quatro indicações ao Oscar e ganhou o prêmio de Melhor Roteiro Adaptado.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio