Resident Evil 6 | Dublê de Milla Jovovich pede 10 milhões de reais em indenização por amputação de braço

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Olivia Jackson, dublê de Milla Jovovich na franquia Resident Evil, está processando os produtores do sexto capítulo por ter precisado amputar o braço após um acidente acontecido nas filmagens do longa. Jackson quer 2,2 milhões de euros como indenização, o que equivale a cerca de 10 milhões de reais.

Resident Evil | Diretor de Medo Profundo vai comandar reboot do terror

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O acidente ocorrido em uma cena de perseguição de moto gravada na África do Sul para Resident Evil 6 (2016), quase resultou na morte da dublê. Olivia Jackson chegou a ficar 17 dias em coma após ser arremessada do veículo e colidir com o equipamento de filmagem. A dublê ainda sofreu lesões graves na coluna.

Jackson, com muito esforço, conseguiu retomar a carreira. No entanto, ela pede a indenização devido aos potenciais compromissos profissionais que perdeu por causa do acidente. Ela também espera compensar suas despesas com médicos e psicólogos. A dublê chegava a ganhar cerca de 20 mil euros por mês, montante que ainda não conseguiu recuperar com seus novos trabalhos.

Os produtores de Resident Evil 6 ainda não fizeram comentários públicos sobre o caso. Em seu período de recuperação, Jackson recebeu apoio e carinho de atrizes com as quais já trabalhou, como a própria Milla Jovovich, Charlize Theron e Karen Gillian.

Além de Resident Evil, Jackson já trabalhou em filmes como Guardiões da Galáxia (2014), Mad Max: Estrada da Fúria (2015) e Star Wars.

Confira fotos da dublê abaixo, incluindo de sua recuperação e caracterizada como Nebula em Guardiões da Galáxia.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio