Com o lançamento de Vice, as comparações do ex-vice-presidente Dick Cheney com o atual presidente Donald Trump foram inevitáveis. No entanto, o diretor Adam McKay acredita que essas comparações não correspondem à realidade.

SAG Awards 2019 | Nasce Uma Estrela e Vice são destaques entre os indicados; confira lista completa!

“Eu já brinquei com pessoas dizendo ‘Graças a Deus Donald Trump não tem um Dick Cheney!’. Porque o Dick Cheney realmente entendia o sistema de governo, e eu sinto que o pessoal que está na Casa Branca não se interessa muito pelo governo. Mas eu acho que o maior ponto, ao invés de comparar o Trump com o Cheney, é perceber que tudo isso é uma história contínua. A história do povo americano sendo convencido que o governo não é importante, que a comunidade não é importante e que o indivíduo é mais valioso que tudo”, analisa Adam McKay.


O elenco de Vice conta com Christian Bale no papel do protagonista Dick Cheney, Amy Adams, que fará o papel da vice-primeira-dama Lynne Cheney; Steve Carell, que encara o ex-secretário de defesa, Donald Rumsfield; Sam Rockwell na pele de George W. Bush, controverso ex-presidente dos EUA; e o grupo de atores formado por Jesse Plemons, Alison Pill, Lily Rabe, Tyler Perry, Justin Kirk, LisaGay Hamilton, Shea Whigham e Eddie Marsan.

Adam McKay é o diretor e roteirista de Vice, o seu primeiro filme após as indicações ao Oscar por A Grande Aposta.

Ex-presidente de uma empresa petrolífera, Cheney foi o escolhido por Bush para ser seu companheiro de campanha entre 2000 e 2008, e sua enorme influência sobre o presidente lhe garantiu o título de vice mais poderoso da história do país.

Vice estreia nos cinemas brasileiros em 31 de janeiro de 2019.