Vingadores: Guerra Infinita | Co-diretor revela se Thanos teria sido derrotado se Peter Quill não tivesse atrapalhado

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em uma das cenas mais controversas de Vingadores: Guerra Infinita, os heróis conseguem segurar Thanos quando Mantis o coloca em um coma induzido e chegam perto de arrancar a Manopla do Infinito de sua mão, mas o Senhor das Estrelas põe tudo a perder quando descobre que o Titã Louco matou Gamora: enfurecido, ele começa a bater em Thanos, tirando-o do coma.

Em uma sessão de perguntas e respostas com o Collider, o co-diretor Joe Russo admitiu que Thanos provavelmente teria sido derrotado naquela cena se Peter Quill não tivesse atrapalhado, mas defendeu a ação.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Esta foi a reviravolta daquela cena. Estes personagens são defeituosos e fazem escolhas emocionais e humanas. Se Quill não o tivesse feito, o filme poderia ter terminado ali mesmo.”

Vingadores 4 | Diretores falam sobre demissão de Mark Ruffalo e a pressão do elenco com spoilers

A continuação de Vingadores: Guerra Infinita deve mostrar o embate final entre Thanos e os Vingadores. A Capitã Marvel e o Homem-Formiga devem se unir à super-equipe na história.

Vingadores 4 chega aos cinemas no dia 2 de maio de 2019.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio