Durante uma entrevista com Kevin Hart, a apresentadora Ellen DeGeneres defendeu o comediante, que perdeu o posto de apresentador do Oscar 2019 após acusações de homofobia. Ellen, que é assumidamente lésbica, afirmou que Hart tinha crescido e entendido o peso de suas palavras.

Oscar 2019 | Ellen DeGeneres defende Kevin Hart após controvérsia: “Cresceu e pediu desculpas”

No entanto, a atitude da apresentadora não agradou a todos. Muitos internautas consideraram Ellen muito permissiva e leniente em relação à piadas preconceituosas e falas intolerantes.


“Eu acho que se você não é mais homofóbico, não precisa ficar pedindo desculpa por seus atos passados de novo, de novo e de novo. Eu não quero ouvir uma reedição hostil de como nós não entendemos seu pedido de desculpas pela primeira vez”, escreveu um internauta no Twitter.

“A única coisa que Kevin Hart provou no programa da Ellen é que ele é um péssimo ator sem nenhum remorso e que não teve nem a decência de endereçar sua ignorância. Não, não foram os ‘haters’ que o criticaram. Foi a comunidade LGBTQI+, porque estamos cansados disso tudo”, opinou outro.

“Eu adoro que a Ellen decidiu por toda a comunidade LGBTGI+ que estamos de boa com Kevin Hart, porque ela o conhece pessoalmente e fala que ele é gentil”, ironizou outro.

“A tese do Kevin Hart nessa entrevista com a Ellen é ‘as pessoas arruinaram a minha diversão, e eu fiquei bravo porque as pessoas arruinaram a minha diversão, eu poderia ter me comportado melhor, mas as pessoas arruinaram a MINHA DIVERSÃO em um dia que deveria ser só sobre mim. E essa é a versão MADURA do Kevin Hart”, criticou outro.

Confira as postagens originais abaixo.

Após a saída de Kevin Hart, foi considerado que a cerimônia de 2019 não tivesse apresentador, mas o comediante ainda pode voltar atrás e apresentá-la.

O Oscar 2019, que marca a 90ª edição da premiação, acontece na noite de 24 de fevereiro.