Vice | Christian Bale prefere Dick Cheney e não interpretaria Donald Trump

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Christian Bale está em destaque com a sua performance como Dick Cheney em Vice. Na segunda (11), o ator esteve em Berlim para divulgação do filme e falou se interpretaria Donald Trump.

O ator contou que achou a história de Dick Cheney, vice de George W. Bush, mais impressionante. Além disso, destacou o papel do vice no governo dos EUA em que participou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Dick Cheney teve um papel extraordinariamente central durante estas últimas décadas nos Estados Unidos e em situações políticas mundiais. Apesar de que poder ter conduzido a esta era, ele é completamente diferente de Trump no sentido de que Cheney sempre foi muito ruim de campanha política e não gostava nada disso. Já Trump parece ser a única coisa que ele gosta”, afirmou Christian Bale.

Além disso, o famoso lembrou que Dick Cheney gostava de “atuar nas sombras” e “entender o poder do silêncio”. Enquanto isso, Donald Trump parece ser o contrário.

“Acho que teria muitas pessoas melhores interpretando Trump. Provavelmente você viu algumas imitações bem boas dele”, destacou o ator, indicando que não sente interesse em ter uma performance como o atual presidente norte-americano.

Crítica | Vice

O elenco de Vice conta com Christian Bale no papel do protagonista Dick Cheney, Amy Adams como sua esposa Lynne Cheney; Steve Carell, que encarna o ex-secretário de defesa, Donald Rumsfield; Sam Rockwell na pele de George W. Bush, controverso ex-presidente dos EUA; e o grupo de atores formado por Jesse Plemons, Alison Pill, Lily Rabe, Tyler Perry, Justin Kirk, LisaGay Hamilton, Shea Whigham e Eddie Marsan.

Adam McKay é o diretor e roteirista de Vice, seu primeiro filme após ser premiado com o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado em A Grande Aposta, que também foi indicado a Melhor Filme.

Ex-presidente de uma empresa petrolífera, Cheney foi o escolhido por Bush para ser seu companheiro de campanha entre 2000 e 2008, e sua enorme influência sobre o presidente lhe garantiu o título de vice mais poderoso da história do país.

Vice está em exibição nos cinemas brasileiros.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio