O Brasil se destacou na 8ª edição do Festival Internacional de Cinema do Panamá. O evento terminou ainda na quarta-feira (10).

Benzinho, longa de Gustavo Pizzi, venceu como Melhor Filme Ibero-Americano de Ficção. Enquanto isso, O Tradutor, que traz Rodrigo Santoro no papel principal, ganhou o prêmio de Melhor Filme da América Central e Caribe.

Na categoria de Melhor Documentário, o prêmio ficou com Tierra Adentro, de Mauro Colombo. Ao final da edição, o diretor do festival Pituka Ortega Heilbron comemorou o recorde de maior número de admissões.


Dos vencedores nacionais, Benzinho conta em seu elenco com nomes como Otávio Muller, Adriana Esteves e Karine Teles. O filme traz a história do primogênito de uma família que é convidado para jogar handebol na Alemanha. A viagem fará com que sua mãe lide com a sua partida, ao mesmo tempo que deve resolver inúmeros problemas familiares. O longa foi lançado em 2018.

Já O Tradutor conta a história de um professor de literatura russa, vivido por Rodrigo Santoro, que é convidado para trabalhar com vítimas do desastre de Chernobil que foram enviadas a Cuba. A direção é dos cubanos Rodrigo e Sebastián Barriuso. O longa estreou no final de março nos cinemas.