Fox “baniu” Keanu Reeves de seus filmes após ator recusar Velocidade Máxima 2

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Estrela de Matrix e John Wick, Keanu Reeves é um dos astros de cinema mais adorados de sua geração, mas sua relação com um estúdio em particular nem sempre foi muito boa.

Em uma entrevista dada à revista GQ, Reeves disse que criou uma rixa com a Fox após recusar Velocidade Máxima 2, o que fez o estúdio não convidá-lo para nenhum projeto por mais de uma década.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não trabalhei com a Fox novamente até O Dia em que a Terra Parou, em 2008”, disse o ator.

Keanu Reeves explicou que nem mesmo o estrondoso sucesso de Matrix fez a Fox mudar de ideia sobre seu “banimento”.

Velocidade Máxima estreou em 1994 e gerou enormes lucros para a Fox, que quis rapidamente produzir uma sequência. Reeves não quis retornar, mas o estúdio prosseguiu com seus planos mesmo assim, lançando Velocidade Máxima 2 com Jason Patric substituindo Reeves em um novo personagem. Como se pode prever, a sequência não se saiu tão bem quanto o original com crítica ou bilheteria.

Nos últimos 20 anos, Keanu Reeves e Fox só trabalharam juntos em duas produções – e pode-se dizer que não são duas de suas melhores parcerias: O Dia em que a Terra Parou, uma grande decepção em bilheteria, e 47 Ronins, que gerou um prejuízo de mais de US$ 20 milhões em 2013.

Felizmente, Keanu Reeves reencontrou o sucesso com John Wick, cuja nova aventura estreia em 16 de maio no Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio