Atriz da cinebiografia de Ted Bundy acredita que suas vítimas entraram em contato com ela

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile, novo filme estrelado por Zac Efron, conta a história de Ted Bundy e será estrelado, também, por Lily Collins.

Agora, em entrevista ao Guardian, a atriz disse acreditar que as vítimas assassinadas por Bundy entraram em contato com ela durante as filmagens. Ela disse que, durante a preparação para o papel, ela acordava todas as noites às 3:05h.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu descia as escadas e bebia um xícara de chá, tentando entender por que acordei de novo”, disse a atriz.

“Eu comecei a acordar com imagens rápidas, de brigas”, continuou a atriz.

“Eu descobri que 3 da manhã é a hora na qual o véu entre as realidades está mais fino e podemos ser visitados. Não fiquei assustada – me senti apoiada. Como se as pessoas estivessem dizendo: ‘estamos aqui escutando. Estamos aqui para ajudar. Obrigada por contar a história”, continuou Collins.

Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile conta a história do assassino sobre a perspectiva de sua namorada, vivida por Kaya Scoledario.

O elenco do filme é composto também por Lily Collins, Haley Joel Osment, John Malkovich e Jim Parsons.

Escrito por Michael Werwie e dirigido por Brandon Trost, Extremely Wicked, Shockingly Evil, and Vile ainda não tem data de lançamento oficial.

Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile estreia em 21 de novembro de 2019.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio