O reboot de Brinquedo Assassino parece estar indo em direção às raízes da franquia. Nesta quinta, 16, foi anunciado que o filme terá classificação para maiores de idade.

A MPAA, órgão que regula a classificação indicativa dos longas nos EUA, explicou que o filme traz “violência gráfica de terror e linguagem ofensiva”. Ou seja, os fãs podem esperar muito sangue e palavrões.

Na trama do novo Brinquedo Assassino, um operário de uma fábrica, antes de cometer suicídio, reprograma um boneco eletrônico para “não ter mais limites”, criando assim o icônico brinquedo assassino. Esse boneco acabará se tornando um presente de uma mãe (Aubrey Plaza) para o seu filho (Gabriel Bateman) sem os dois saberem da natureza sombria do brinquedo.


Mark Hamill (Star Wars) faz a voz de Chucky.

Dirigido por Lars Klevberg, o remake de Brinquedo Assassino estreia em agosto nos cinemas brasileiros.