Como Vingadores: Ultimato quase serviu de entrada para os X-Men no MCU

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vingadores: Ultimato quase foi uma porta de entrada para os X-Men no Universo Cinematográfico da Marvel. Em recente entrevista de divulgação do filme, os roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely revelaram que consideraram incluir a trama de Dinastia M no longa da Marvel.

Minissérie lançada em 2005 pela Marvel Comics, Dinastia M envolve tanto os Novos Vingadores quanto os X-Men para contar a história de Wanda Maximoff, a Feiticeira Escarlate, que perde de vez o controle de seus poderes.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Num rompante de loucura e uso indiscriminado de seus poderes de alteração da realidade, a Feiticeira se volta contra seus colegas Vingadores e até leva alguns deles à morte. Após os atos irresponsáveis da heroína, integrantes dos Vingadores e dos X-Men se reúnem para julgá-la e decidir qual será o destino da filha de Magneto, mas eles não sabem que podem acabar condenando uma raça inteira ao declínio. A trama ficou conhecida como a HQ que redefiniu o destino dos mutantes da Marvel.

Além de adaptar parte de Dinastia M, os roteiristas de Vingadores: Ultimato também quase introduziram o herói espacial Nova.

“Lembro de ter pensado em muitas coisas em relação ao Nova”, disse Markus. “Thanos poderia ter matado todos da Tropa Nova, exceto um cara. Nesse cenário, ele funcionava como um arauto, alguém que saía para avisar às pessoas do que estava acontecendo. Literalmente, todas as coisas nas quais pensamos já estavam nos quadrinhos – e não tinham muito valor em comparação com eles”.

McFeely adicionou: “Acho que a Dinastia M também seria incrível. Mas pode demorar um pouco. E será complicado”.

Estalo de Vingadores: Ultimato criou os X-Men? Roteiristas respondem

Os fãs da Marvel aguardam ansiosamente para o momento em que os X-Men e os demais personagens da Fox farão parte do MCU, o Universo Cinematográfico da Marvel.

Em entrevista para o The Hollywood Reporter, os roteiristas Stephen McFeely e Christopher Markus responderam se alguns dos estalos com a Manopla em Vingadores: Ultimato pode ter gerado a criação dos X-Men.

“Tudo é possível, mas eu não sei se você precisaria disso. Mutação genética é mutação genética. Isso só acontece. Talvez eles já estejam por aí”, diz Markus.

“Eu acho que, quando o Kevin Feige resolver trazer X-Men ou Quarteto Fantástico, não será da forma que você espera. Eu acho que será uma versão mais inteligente disso”, complementa McFeely.

X-Men e Quarteto Fantástico serão introduzidos em breve no MCU

A compra da Fox pela Disney indica que em breve veremos o Quarteto Fantástico e os X-Men no Universo Cinematográfico Marvel. Em outra entrevista, dessa vez ao Los Angeles Times, Christopher Markus, falou sobre esse vindouro futuro.

“Vai ser fascinante ver o que o Kevin Feige faz com propriedades que ele está conseguindo com a compra da Fox, com os X-Men e o Quarteto Fantástico”, disse o roteirista de Vingadores: Ultimato.

“Ver a versão do MCU dessas coisas, será algo que você nunca viu antes. Vai ser muito empolgante”, completou ele.

Marvel lança série sobre a história dos X-Men

Agora que a Disney comprou a FOX e a Marvel oficialmente tem controle sobre os X-Men novamente, é hora de reintroduzir o público aos mutantes.

A Marvel acaba de lançar uma nova web série documental em seu canal de YouTube, agora focando-se na história dos X-Men e seus grandes momentos nos quadrinhos. A série ganhou o título de X-Men: The Seminal Moments, e trará 3 episódios já nesta semana, enquanto o capítulo final chega na próxima semana.

Confira o primeiro episódio mais abaixo.

O documentário dará atenção especial para as HQs Giant-Size (1975), X-Men No. 1(1991), X-Men No. 1, Era do Apocalipse (1995) e New X-Men No. 114 (2001).

Nos cinemas, a saga X-Men terá seu capítulo derradeiro com X-Men: Fênix Negra, que estreia em 6 de junho.

Vingadores: Ultimato está em exibição nos cinemas, e agora COM cenas pós-créditos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio