O documentário What We Left Behind: Looking Back at Star Trek: Deep Space Nine trouxe uma revelação notável sobre um dos personagens da série de ficção científica.

Nunca revelado na série, o documentário confirma que Garak (Andrew Robinson), espião Cardassiano que vivia exilado em Deep Space 9 como alfaiate, era homossexual. Garak tinha um interesse especial no Dr. Julian Bashir, e o próprio Robinson confirmou as intenções durante entrevista para o documentário.

“No começo, ele só queria transar com ele. Isso é absolutamente claro”, diz Robinson.


O documentário foi feito a partir de financiamento popular e adquirido pelo Shout! Studios. Por enquanto, teve exibição única nos EUA, no dia 12 de maio.

Ira Steven Behr, showrunner da série, dirige o documentário. Ao mesmo tempo, dá depoimentos com o elenco, falando sobre a importância de Stark Trek: Deep Space Nine.

Star Trek: Deep Space Nine foi lançada em 1993 e ficou no ar até 1999, com sete temporadas. A série focava em uma estação espacial e tocava em temas mais sombrios. A derivada foi criada por Rick Berman e Michael Piller.