Era Uma Vez em Hollywood “é o Roma” de Quentin Tarantino

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Era Uma Vez em Hollywood estreou com inúmeros elogios da crítica no Festival de Cannes. Entre eles, o de que Quentin Tarantino está de volta.

Para revista Esquire, o diretor tratou sobre o seu mais recente trabalho, que é o nono filme da carreira. Originalmente, Era Uma Vez em Hollywood seria um livro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu deixei se tornar o que teria que ser. Por muito tempo, eu não queria aceitar isso. Então, passei a aceitar”, comentou o cineasta.

Quentin Tarantino comparou o seu filme com Roma, aclamado longa de Alfonso Cuarón com 10 indicações ao Oscar – tendo vencido como Melhor Diretor.

“Eu vejo como minha peça de memória. Alfonso Cuarón teve Roma e a Cidade do México, em 1970. Eu tenho Los Angeles e 1969. Isto sou eu. É o ano que me formou. Eu tinha seis anos. Esse é o meu mundo. Essa é a minha carta de amor para LA”, declarou Quentin Tarantino.

No novo filme de Quentin Tarantino, a dupla Leonardo DiCaprio e Brad Pitt toma a frente, interpretando, respectivamente, um ator de TV em decadência e seu dublê na Hollywood de 1969.

Os atores são vizinhos de um casal bem conhecido da época: Roman Polanski e Sharon Tate, que seria assassinada por membros do culto de Charles Manson em uma fatídica noite daquele mesmo ano.

Além de Brad Pitt e Leonardo DiCaprio; Timothy Olyphant, Luke Perry, Damian Lewis, Dakota Fanning, Al Pacino, Emile Hirsch, Clifton Collins Jr, Tim Roth, Michael Madsen, Keith Jefferson, Mike Moh, Nicholas Hammond, Bruce Dern e Margot Robbie completam o elenco.

Era Uma Vez em Hollywood tem previsão de lançamento para o dia 15 de agosto no Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio