Em entrevista com o Hollywood Reporter, o co-roteirista de Vingadores: Ultimato, Christopher Markus, disse que o presidente do Marvel Studios, Kevin Feige, adora “quebrar” o MCU.

No longa, há um salto temporal de cinco anos em que muitas mudanças acontecem, o que os roteiristas queriam reverter no final, mas Feige não permitiu.

“Ele fica empolgado, especialmente quando uma grande reviravolta é proposta. A queda da SHIELD. A Guerra Civil. Ele gosta de quebrar os brinquedos. Ele nos pressionou para que o salto de tempo de cinco anos fosse permanente. ‘Só faça. Teremos tempo para lidar com isto e será interessante. Por que desfazer e voltar ao zero?’ Se desfizéssemos o salto de cinco anos, são cinco horas e meia de filme que não fazem sentido. Nada disso teria acontecido.”


O elenco confirmado de Vingadores: Ultimato inclui Robert Downey Jr., Chris Evans, Chris Hemsworth, Scarlett Johansson, Jeremy Renner, Mark Ruffalo, Paul Rudd, Don Cheadle, Bradley Cooper, Brie Larson, Karen Gillan, Josh Brolin, Gwyneth Paltrow, Jon Favreau e Tessa Thompson.

Anthony e Joe Russo (Vingadores: Guerra Infinita) retornam para a direção.

Vingadores: Ultimato está em exibição nos cinemas.