Rússia corta cenas gays de Rocketman

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Rússia provou mais uma vez sua retrógrada política homofóbica ao cortar todas as cenas gays de Rocketman, cinebiografia de Elton John. A informação é do Yahoo Movies.

Por volta de cinco minutos do filme ficaram de fora em razão das leis do país, que banem “propaganda homossexual” (aparentemente a opção sexual é influenciada pelo que vemos em telas – cuidado ao assistirem National Geographic e Discovery!).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O crítico de cinema russo Anton Dolin foi o primeiro a revelar essas alterações, tendo publicado no Facebook as mudanças do filme.

“Todas as cenas com beijos, sexo e sexo oral entre homens foram cortadas”, disse Dolin, que assistiu a versão original antes da estreia do filme e pôde ver as mudanças.

O crítico ainda criticou o corte de um dos dizeres finais do filme, que aparece em tela, informando ao público que Elton John vive com seu marido.

O Ministério da Cultura tentou tirar o seu da reta ao negar envolvimento com a censura, dizendo ao Interfax (via Yahoo), que “a decisão [de cortar essas cenas] foi unicamente do distribuidor do filme”.

Mas todos sabemos o que aconteceria se o filme tivesse estreado com cenas de sexo gay na Rússia.

Em todo caso, Rocketman já está em exibição nos cinemas brasileiros, felizmente em sua versão original.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio