Em Borat, o personagem titular, vivido por Sacha Baron Cohen, pede que Pamela Anderson se case com ele e tenta forçá-la em seu “saco tradicional de casamento”, para levá-la de volta ao Cazaquistão.

Pouco após o lançamento do filme, Anderson pediu o divórcio de seu ex-marido, Kid Rock e rumores começaram a circular de que Borat foi o culpado pelo divórcio. Agora, Sacha Baron Cohen revelou que o filme realmente causou o divórcio.

No podcast The Last Laugh, Baron Cohen disse que mandou uma mensagem para Anderson após uma exibição do filme, perguntando a ela, “como foi? o que ele achou?”, se referindo ao ex de Anderson.


“Então ela mandou uma mensagem, ‘ele está se divorciando'”, disse Cohen. “Eu fiquei tipo, ‘por que?’. E ela disse, ‘o filme’. Eu achei que era uma piada, mas algumas semanas depois eles se divorciaram e colocaram Borat como causa do divórcio”.

Claramente Pamela Anderson está melhor sem Kid Rock.