Atualmente, é praticamente uma tradição que o público espere os créditos finais serem concluídos para encontrar cenas escondidas ali. Convenhamos, é uma herança deixada pela Marvel Studios, que popularizou essa brincadeira.

Os fãs que forem assistir a Aladdin neste final de semana podem ficar tranquilos, pois o remake de Guy Ritchie não traz nada após o fim dos créditos. Era de se esperar alguma coisinha, já que a animação de 1992 traz a voz de Robin Williams agradecendo ao público.

Porém, logo após o final do filme, vemos um número de dança estendido de “Friend Like Me”, onde parte dos créditos começam a rolar. Mas, claro, é algo impossível de ser perdido, já que é literalmente logo após a última cena.


Sob direção de Guy Ritchie (Sherlock Holmes), o filme recontará a história do pobre garoto Aladdin (Mena Massoud) que tem apenas como sua família o macaquinho Abu. Depois de conhecer e se apaixonar pela princesa Jasmine (Naomi Scott), Aladdin encontra um lâmpada mágica, lar de Gênio (Will Smith), que o ajuda a conquistar o coração da amada.

Alan Menken assina a trilha sonora de Aladdin – ela já é velho de casa na Disney, tendo trabalhado em animações como Pocahontas, A Pequena Sereia, A Bela e a Fera, e também no clássico Aladdin. Já Benj Pasek e Justin Paul contam em seu currículo com La La Land: Cantando Estações.

Aladdin está em exibição nos cinemas.