Will Smith parece ter gostado de interpretar o Gênio em Aladdin. Em entrevista ao Entertainment Tonight, o ator disse ter se sentido sexy ao viver o personagem.

O ator de 50 anos é o primeiro a viver o personagem em live-action. Antes, o eterno Robin Williams emprestou a voz no filme de 1994.

“Eu estava me sentindo sexy sobre mim como o Gênio. Eu me senti sexy comigo mesmo”, declara Will Smith.


O ator ainda comenta como foi ter a experiência de interpretar o diferente personagem.

“A parte CGI deste movimento foi provavelmente o aspecto mais difícil. Transitar de animação para live-action e tentar conseguir esse visual”, explica o famoso.

Ao final da entrevista, Will Smith faz uma série de elogios ao filme e ao seu papel.

“Este filme tem muitas ideias realmente boas que eu amo e o conceito do Gênio, alguém cuja existência é dedicada a ajudar as pessoas a se encontrar e criar as vidas que elas querem, esse aspecto é quase a mais pura definição de amor. Então, para mim, interpretar o Gênio, você está sempre procurando por algo que você pode se conectar com um personagem que é autêntico, fora a devoção e dedicação, é o que eu aspiro na minha vida”, destaca Will Smith.

Sob direção de Guy Ritchie (Sherlock Holmes), o filme recontará a história do pobre garoto Aladdin (Mena Massoud) que tem apenas como sua família o macaquinho Abu. Depois de conhecer e se apaixonar pela princesa Jasmine (Naomi Scott), Aladdin encontra um lâmpada mágica, lar de Gênio (Will Smith), que o ajuda a conquistar o coração da amada.

Alan Menken assina a trilha sonora de Aladdin – ela já é velho de casa na Disney, tendo trabalhado em animações como Pocahontas, A Pequena Sereia, A Bela e a Fera, e também no clássico Aladdin. Já Benj Pasek e Justin Paul contam em seu currículo com La La Land: Cantando Estações.

Aladdin estreia nos cinemas brasileiros em 23 de maio.