Kingsman é uma das franquias que mudou de casa com a venda da Fox para Disney. Porém, não deve mudar algumas de suas características por conta das regras do Mickey Mouse.

Em entrevista para o Screen Rant, o diretor Matthew Vaughn comentou que a Disney ainda tem que impactar a franquia. Mas, que isso não criará interferência na história, que costuma ter uma classificação indicativa para maiores.

“No momento, não influenciou. Eu tenho feito os filmes durante a transição, então não sei. Eu tenho conversado com a Disney, eles são espertos e acolhedores. Eu fiquei preocupado, ‘Bem, meu filme tem classificação para maiores. É um gênero subversivo. É o que a Disney quer?’. Mas, eles são cavalheiros e estão empolgados. Eu acho que eles perceberam que para crescer, eles precisam bater na saturação do que fazem no momento, eles precisam entrar em outros ciclos. Eu acho que vamos ser o primeiro filme para maiores deles. Eu soube deles, a lua de mel até agora está ótima”, garantiu o diretor.


O primeiro filme da franquia lançado pela Disney deve ser o prelúdio de Kingsman. A trama ainda não foi revelada e o longa não tem título definitivo.

O estrelado elenco do prelúdio de Kingsman conta com nomes como Aaron Taylor-Johnson (Vingadores: A Era de Ultron), Gemma Arterton (Fúria de Titãs), Ralph Fiennes (Harry Potter), Charles Dance (Game of Thrones) e outros.

Com direção de Matthew Vaughn, o prelúdio de Kingsman estreia em 14 de fevereiro de 2020.