Mais do que você gosta.

Publicidade

Mark Hamill compara reboot de Brinquedo Assassino com o original

Publicado por Bruno Tomé

21/06/2019 14:43

Cuidado! Pode conter pequenos spoilers de Brinquedo Assassino!

Para Mark Hamill, o reboot de Brinquedo Assassino é justificável. O ator, que dá a voz ao novo Chucky, citou diferenças básicas entre essa versão e o original.

Em coletiva de imprensa na pré-estreia de Brinquedo Assassino, que está chegando agora nos EUA, Mark Hamill explicou que vê a modernização do protagonista como algo fundamental para o reboot. Agora, Chucky é um pequeno robô praticamente.

“Quando eles me mandaram o roteiro, eu logo vi que há diferenças cruciais com o original – que eu gosto, eu adoro a versão de Brad Dourif. Nesse, Chucky tem uma origem diferente. Então, não é a alma de um serial killer, é alguém que deliberadamente entra e altera o sistema operacional, assim como os programas de segurança. Então, ele era uma criança inocente, realmente aprendendo o que estava ao redor dele. Isso foi crucial e também a idade do protagonista. Ele tinha 5 ou 6 anos no original. Gabriel (Bateman) vive um personagem que é um pré-adolescente e foi uma diferença grande para o original”, explicou o ator.

Chucky reaparece como um boneco robótico no novo filme, que é possuído por um espírito. O personagem entrará na vida de Andy (Gabriel Bateman) quando Karen (Aubrey Plaza) presentear o filho, acreditando que está dando uma “companhia” para o garoto.

O elenco traz ainda Beatrice Kitsos, Ty Consiglio e Brian Tyree Henry.

A direção é de Lars Klevberg.

O reboot de Brinquedo Assassino chega ao Brasil em 22 de agosto.

Publicidade