Escritores admitem que “ninguém gostou” do primeiro roteiro de Vingadores: Guerra Infinita

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma versão inicial de Vingadores: Guerra Infinita fez com que os escritores Christopher Markus e Stephen McFeely entrassem em pânico porque “ninguém gostou” de seu roteiro, que continha uma história para Thor que era “uma porcaria”.

“Tivemos muitas tentativas e erros. Começamos a trabalhar antes das gravações de Guerra Civil, então todas as coisas que vocês viram foram criadas nos últimos quatro meses de 2015. Ficamos lidando com isso por muito tempo”, disse McFeely em entrevista ao Comic Book.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Mas passamos por muitos altos e baixos, e houve um momento em meados de 2016 em que ninguém gostou do que tínhamos. Ficamos em pânico. Em grande parte não gostaram porque a história de Thor era uma porcaria.”

“Era complicado porque parecia que não éramos bons o bastante. Nos sentimos assim sempre. Dependemos da boa vontade de todas as pessoas com quem trabalhamos.”

Markus adicionou que Kevin Feige foi essencial para melhorar o roteiro de Vingadores: Guerra Infinita: “A Marvel sabe muito bem o que é um primeiro rascunho e depois trabalha nisso. E isso significa que você nunca sai da sala de conferência, mas faz bons filmes.”

Vingadores: Ultimato ainda está em cartaz em alguns cinemas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio