Durante a Comic-Con de San Diego, os roteiristas de Vingadores: Guerra Infinita revelaram que uma versão preliminar do roteiro do longa contava com a presença de uma das entidades cósmicas mais poderosas da Marvel.

A dupla explicou que o Tribunal Vivo originalmente apareceria na luta entre Thanos, Doutor Estranho, Homem de Ferro, Homem-Aranha e os Guardiões da Galáxia no planeta Titã.

“Nós resolvemos tirar a cena do filme. Ela foi parcialmente inspirada por Kevin Feige… ele chegou na sala de conferência que estávamos presos há anos, e trouxe um monte de painéis cósmicos. Nós já estávamos bem avançados na produção do roteiro, e não queríamos perder a natureza psicodélica do mundo de Jim Starlin. Por isso, nós queríamos colocar o Tribunal Vivo no filme”, afirmou Christopher Markus.


Segundo o roteirista, o ser cósmico apareceria após o Doutor Estranho conseguir penetrar na mente de Thanos. A sequência mostraria o vilão sendo obrigado a confrontar todas as atrocidades que havia cometido contra o Universo. No final, ele seria jogado na frente do Tribunal Vivo, que o julgaria culpado.

Vingadores: Ultimato ainda está em cartaz nos cinemas.