ATENÇÃO: Contém spoilers de Homem-Aranha: Longe de Casa

Não deveria ser um grande choque para ninguém, mas o Mysterio de Jake Gyllenhaal é o vilão de Homem-Aranha: Longe de Casa, mesmo sendo apresentado como aliado.

Em entrevista para a Entertainment Weekly, Gyllenhaal comentou sua abordagem para o papel, e como ele considera o novo filme um exercício de metalinguagem.


“Eu não queria fazer um vilão que contorce o bigode. Eu queria mesmo que ele fosse baseado na realidade, e eu acho que pelo tom de comédia desse filme, você pode fazer isso com facilidade. Eu não tinha o desejo de fazer vilões que já tinha visto em outros filmes. Eu acho que ele não é assim. Eu ainda acho que suas intenções são bem verdadeiras, e eu amo isso sobre ele”, diz o ator.

“A verdade é que vocês todos estava assistindo a um filme que não era real. Essas pessoas não voam de verdade, e esse é o comentário dele. É um filme sobre fazer um filme, e eu acho que o Jon [Watts, diretor] fez de forma tão brilhante. Eu interpreto um diretor, produtor, cineasta e efeitos especiais. Eu faço todos os departamentos nesse filme. Eu adoro isso. É um filme sobre como se faz um desses, e agora as pessoas acreditam em tudo o que acontece nesses filmes”, explica Gyllenhaal.

Em Homem-Aranha: Longe de Casa, Tom Holland retorna como Homem-Aranha. Zendaya, Marisa Tomei, Martin Starr, Jon Favreau, Jacob Batalon e Tony Revolori também estão de volta no filme, que move a ação para férias escolares na Europa.

Samuel L. Jackson também participa como Nick Fury, assim como Cobie Smulders reprisa o papel de Maria Hill. Jake Gyllenhaal é o Mysterio.

Homem-Aranha: Longe de Casa está em cartaz nos cinemas brasileiros.