Publicidade

Disney deve diminuir filmes da Fox após prejuízo em bilheteria

Publicado por Lucas Nascimento

06/08/2019 19:28

Durante o relatório para acionistas nesta terça-feira (6), o CEO da Disney, Bob Iger, trouxe algumas mudanças cruciais para o desenvolvimento do estúdio com obras da Fox.

Após a Disney sofrer uma perda de US$170 milhões em seu terceiro quadrante do ano fiscal, a produção de filmes para a Fox deve diminuir de forma considerada. Um dos fatores que pesou na decisão foi o fracasso de X-Men: Fênix Negra nas bilheterias.

Durante a reunião, Iger novamente confirmou que Kevin Feige assumirá o controle total das franquias de X-Men, Quarteto Fantástico e Deadpool, que serão integradas ao MCU.

“Um dos grandes problemas foi o que a performance do estúdio da Fox foi bem abaixo de onde estava, e muito abaixo de onde esperávamos que estivesse quando fizemos a aquisição”, diz Iger.

As continuações de Avatar de James Cameron seguirão como planejadas, assim como novos filmes – ainda não anunciados – de Planeta dos Macacos e o selo independente da Fox Searchlight. Mas as demais produções live-action devem ser paralisadas.

“Provavelmente levará um ou talvez dois anos, antes de termos um impacto nos filmes em produção. Estamos confiantes de que vamos dar a volta por cima com os resultados da Fox em live-action”, garante Iger.

Sob o selo Disney, a Fox ainda vai lançar a ficção científica Ad Astra e o remake musical de Amor, Sublime Amor.

Publicidade