Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw rouba marca de John Wick 3 na bilheteria

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw quebrou três marcas na bilheteria dos EUA na sua estreia. Todas, porém, contam com um asterisco.

A primeira delas é a marca roubada de John Wick 3: Parabellum. O derivado de Velozes e Furiosos tem, agora, a melhor estreia de 2019 entre os filmes que não são da Disney. Como se sabe, as melhores estreias do ano são da casa do Mickey Mouse. Vingadores: Ultimato lidera o ranking entre todos os estúdios, com US$ 350 milhões.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A marca de Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw foi conquistada com US$ 60,8 milhões neste final de semana. John Wick 3 tinha conseguido US$ 56,8 milhões na sua abertura.

Os outros recordes quebrados por Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw são das carreiras dos protagonistas Dwayne Johnson e Jason Statham. Ao excluir os longas da franquia principal, o derivado se torna a melhor estreia da dupla.

Derivado da franquia Velozes e Furiosos, o longa mostra a aliança improvável entre o policial Luke Hobbs (Johnson) e o exilado Deckard Shaw (Jason Statham), que decidem se unir para combater um vilão (Idris Elba) aprimorado geneticamente que ameaça o futuro da humanidade.

Com roteiro de Chris Morgan e direção de David Leitch (Atômica e Deadpool 2), o filme traz também no elenco Vanessa Kirby, Elza Gonzales e Helen Mirren, entre outros.

Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw está em cartaz nos cinemas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio