Vingadores: Guerra Infinita e Ultimato foram “exaustivos”, revela produtora

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Todo o processo de 11 anos na Saga do Infinito da Marvel Studios certamente foi emocional e exaustivo para sua equipe. Ao menos é o que diz a produtora executiva Trinh Tran.

Em entrevista ao ComicBook, Tran fala sobre sua “tristeza” ao encerrar o processo de 8 anos com os irmãos Russo, mas também expressa ansiedade pela vindoura Fase 4 do MCU.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Em setembro, será meu 12º ano na Marvel, e eu comecei como assistente em Homem de Ferro. Fazer parte dessa jornada, e poder ter participado de Guerra Infinita e Ultimato foi uma loucura, e os últimos quatro últimos anos foram dedicados para fazer só esses filmes, pois os gravamos juntos”, diz Tran.

“Eu pude participar com os irmãos Russo e Markus e McFeely nos últimos quatro projetos, o que garante uns bons oito anos. Mas é um pouco triste, porque quando estou no processo e tudo o mais, é bem… Houve um período em que foi bem exaustivo, e são dois filmes gigantescos, e os fizemos juntos”, desabafa.

“Eu nunca havia passado por nada assim antes. Foi como se isso tivesse feito os quatro anos e o processo valerem a pena, porque eu adoro o filme e estou muito felizes que as pessoas tenham gostado tanto quanto eu. É recompensador, mas é agridoce porque chegou ao fim. Mas estou muito, muito empolgada com a Fase 4, e também com esses novos personagens que estamos apresentando ao MCU, e como ele pode evoluir em – bate na madeira – mais uma década de histórias”, espera.

Em 2020, a Fase 4 da Marvel começa com Viúva Negra e Os Eternos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio