A Warner Bros celebra nesta sexta-feira (27) o tapete vermelho de estreia de Coringa, novo filme da DC estrelado por Joaquin Phoenix. É uma decisão polêmica, considerando que o longa de Todd Phillips tem sofrido escrutínio de sites e veículos da área.

“Nosso tapete vermelho é composto apenas de fotógrafos. Muito foi dito sobre Coringa, e só achamos que é hora das pessoas simplesmente assistirem o filme”, disse um representante do estúdio para a Variety.

Nas últimas semanas, o filme foi acusado de ser “potencialmente tóxico e perigoso” por diversos sites americanos, antes mesmo de chegar às telas dos cinemas.


O filme do Coringa, da DC, tem ainda Zazie Beetz (Atlanta), Bill Camp (Operação Red Sparrow, A Grande Jogada), Frances Conroy (American Horror Story, Castle Rock), Brett Cullen (42, Narcos), Glenn Fleshler (Billions, Barry), Douglas Hodge (Operação Red Sparrow, Penny Dreadful), Marc Maron (Maron, GLOW), Josh Pais (Motherless Brooklyn, Going in Style), e Shea Whigham (O Primeiro Homem, Kong: A Ilha da Caveira).

Todd Phillips fica com a direção e também assina o roteiro ao lado de Scott Silver (O Vencedor). A produção ainda conta com o astro Bradley Cooper.

Coringa chega aos cinemas brasileiros em 3 de outubro.