Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis promete levar o universo cinematográfico da Marvel para Ásia. No entanto, não é por causa disso que o vilão Mandarim será construído com o estereótipo asiático de Hollywood. 

A declaração foi feita pelo diretor do filme, Destin Daniel Cretton. Ao Observer, o cineasta deu mais detalhes sobre o vilão de Tony Leung no mais novo longa da Marvel

“Eu acho que ele (Leung) traz humanidade para o personagem. Nós não queremos contribuir mais com o estereótipo asiático que vemos no cinema e na cultura pop. Nós queremos mostrar outro lado dos personagens asiáticos e também chineses. Tony é um grande ator e estou empolgado que ele vai nos ajudar a quebrar algum desses estereótipos com um vilão que poderia facilmente virar a parte final de uma piada”, declarou o cineasta.


O elenco do novo filme da Marvel tem Simu Liu, como o Shang-Chi, Tony Leung e Awkwafina, ainda em papel misterioso. 

Shang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis estreia em 12 de fevereiro de 2021.