Publicidade

Popular teoria de Ratatouille é desmentida

Publicado por Bruno Tomé

18/09/2019 08:51

Mais uma teoria envolvendo um filme da Pixar foi negada. Dessa vez, trata-se da animação Ratatouille, de 2007. 

O diretor Brad Bird respondeu a uma página no Twitter que pesquisava sobre a origem do ratinho Remy e onde ele poderia ter crescido. O perfil Hidden Easter Eggs (Easter Eggs escondidos, em tradução) trouxe a teoria para os internautas mais uma vez. 

“Quando Anton experimenta o ratatouille de Remy, ele lembra da receita de sua mãe. Há alguns detalhes escondidos que sugerem que Remy cresceu na casa da mãe de Anton, aprendendo a cozinhar ao assistir a mãe de Anton”, afirmava a página. 

Bird respondeu que a verdade é bem mais simples e que não existe mais uma história dentro do filme. 

“Bem, eu amaria confirmar que somos pensadores super profundos e que há uma narrativa por trás da narrativa, mas… Quando eu peguei o filme nós tínhamos um cronograma infernal e apenas dois dos muitos cenários do longa estavam prontos. A verdade é que estávamos tentando reutilizar acessórios aonde podíamos”, revelou o cineasta. 

Confira a publicação do diretor abaixo.

Ratatouille, de 2007, segue Remy, que tem o sonho de ser um chef de cozinha. Apesar de habilidades requintadas, há um problema: ele é um ratinho. Quando está em um dos melhores restaurantes de Paris, ele tenta realizar o seu desejo. 

Publicidade