Taron Egerton explica por que não quis interpretar um Elton John afeminado em Rocketman

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Taron Egerton teve um grande desafio em 2019, que foi o filme Rocketman. Nele, conseguiu agradar o público e a crítica com sua interpretação como Elton John, um ícone da música.

Para GQ Magazine, o ator comentou sobre os desafios do papel. Um deles, como conta o próprio Taron Egerton, foi encontrar a personalidade certa para compor a atuação como o músico.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“O que eu estava nervoso é que há uma certa ansiedade quando um personagem gay é interpretado por um heterossexual. Porque você não quer que a comunidade sinta que você está fazendo uma caricatura ou algo do tipo. Eu não quis afeminar porque Elton John não é um homem afeminado. Eu sabia que isso não era o que eu queria fazer”, declarou o ator.

O astro admitiu que alguns fãs poderiam criticar a sua interpretação. Mas, Taron Egerton defendeu a escolha.

“Eu sabia que poderia ser algo que as pessoas teriam um problema. Mas, eu também sabia que o filme celebrava esse lado do personagem. Então, eu também senti que, de forma geral, as pessoas aceitariam”, comentou o protagonista de Rocketman.

Rocketman, que traz a história de Elton John, está disponível em DVD e Blu-ray.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio