Pedófilo pode lucrar milhões com música usada em Coringa

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Cuidado! Contém SPOILERS de Coringa!

Uma música utilizada em Coringa, com Joaquin Phoenix, está dando o que falar.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Isso porque a música “Rock and Roll Part 2”, de 1972, foi escrita por Gary Glitter, um pedófilo que foi preso e condenado em 2015. Esse fato está deixando muitos fãs do filme irritados, já que Coringa pode acabar dando dinheiro para um criminoso.

A música é utilizada na já icônica cena em que Arthur Fleck/Coringa dança nas escadas, que está presente brevemente no trailer do filme.

De acordo com o Daily Star, Glitter pode ganhar milhares de dólares com os royalties da música, que foi reproduzida por cerca de 2 minutos no filme.

Gary Glitter foi condenado a 16 anos de prisão em 2015 por pedofilia. Ele foi acusado de agressões de cunho sexual e também por ter feito sexo com uma garota menor de 13 anos de idade.

Coringa está em exibição nos cinemas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio