Nos últimos dias, uma grande polêmica em relação aos filmes da Marvel tomou conta da internet.

Os lendários diretores Martin Scorsese e Francis Ford Coppola criticaram por várias vezes os longas do estúdio, chamando-os até de “desprezíveis”, e afirmando que a Marvel “não faz cinema”.

O debate, obviamente, ganhou adeptos para os dois lados e, desde então, virou um dos principais assuntos nas redes sociais.


Se recentemente uma pesquisa mostrou que, apenas nos EUA, os filmes da Marvel faturaram o dobro em bilheteria que todos os filmes de Scorsese e Coppola juntos, agora temos o outro lado da moeda.

Segundo uma análise feita considerando todos os projetos cinematográficos de ambos os diretores, os filmes de Scorsese já conseguiram 24 estatuetas do Oscar, enquanto os de Coppola faturaram 14.

São 38 premiações do Oscar ao todo, contra apenas 16 se juntarmos todos os filmes de super-heróis já feitos até hoje.

Se financeiramente os filmes da Marvel – trabalhando cinema como puro entretenimento – têm um desempenho muito superior em dinheiro arrecadado, Scorsese e Coppola – desenvolvendo o cinema como arte – levam grande vantagem quando consideramos a opinião da crítica especializada sobre suas obras