Todos nos lembramos do grande momento em Vingadores: Ultimato quando, na batalha final, vários portais se abrem trazendo todos os heróis de volta para uma última luta contra o exército de Thanos.

Na cena, o Capitão América de Chris Evans podia ser visto sozinho na frente de Thanos quando de repente ele recebe uma mensagem do Falcão e vários portais começam a aparecer, permitindo o retorno dos Vingadores restantes.

No entanto, como revelou o editor Jeff Ford em entrevista ao Slash Film, esse momento originalmente seria um pouco diferente.


“Originalmente eles [Vingadores] passaram por vários portais, mas abriram continuamente de uma só vez. Em outras palavras, não havia um, e depois outro, e depois outro.

Portanto, a encenação desse processo não aconteceu da maneira que foi originalmente prevista. E Capitão estava parado ali quando isso aconteceu. A platéia viu, mas ele não se virou e disse: ‘Oh meu Deus’.

Eu acho que Evans – eu lembro do dia em que filmamos isso, eu estava bem ao lado dele quando filmamos a cena em que Evans vê os portais, e ele está interpretando apenas o seu ponto de vista. Eu literalmente estava chorando e dizendo, ‘Chris, isso é incrível’.

É por isso que eu amo Evans: ele vai trazê-lo de uma maneira que seja em um nível de desempenho mais alto do que você jamais imaginou, e é realmente complexo. Ele também é um ator mínimo. Ele não gosta de fazer muito, mas quando ele faz isso, é tão comovente.”

Vingadores: Ultimato chegou aos cinemas em 25 de abril deste ano, e alcançou a maior bilheteria da história do cinema, faturando US$ 2,796 bilhões.