O diretor Roger Corman, conhecido por ser uma lenda dos “Filmes B” de Hollywood, se juntou a Martin Scorsese e Francis Ford Coppola nas críticas contra a Marvel.

Em entrevista ao The Hollywood Reporter, Roger Corman revelou que concorda com a opinião dos diretores veteranos sobre os filmes da Marvel.

“Eu li o que eles disseram e acho que concordo em partes. Como puro cinema, pura arte, esses filmes não se qualificam. Mas, se você diz que é uma combinação de arte com negócios, ai sim, acredito que eles se encaixam”, declarou Corman.


Além disso, ele também afirmou que os efeitos dos filmes da Marvel são bons, mas chamou a produção de “básica” e as histórias de “simplistas”.

Roger Corman também foi ator. Aos 93 anos, seu último filme na direção foi Frankestein, O Monstro das Trevas (1990).

Apesar das críticas, a Marvel lançará dois filmes em 2020: Viúva Negra e Os Eternos.