O 25° filme da franquia James Bond, 007: Sem Tempo para Morrer, é o mais caro de todos. O enorme orçamento foi revelado pelo The Hollywood Reporter nesta quarta, 6.

De acordo com o site, o filme do 007 custou US$ 250 milhões. Vale notar que o valor deve subir ainda mais quando o preço do marketing for adicionado.

Antes, o recorde era de 007 contra Spectre (2015). O longa de James Bond tinha custado US$ 245 milhões (sem valor de marketing).


O orçamento dos filmes de James Bond começou a ficar mais caro com 007 – Cassino Royale (2006), o primeiro de Daniel Craig no papel. Na época, o longa teve orçamento de US$ 150 milhões.

Depois, 007 ‑ Quantum of Solace (2008) e 007 ‑ Operação Skyfall (2012) chegaram ao patamar de US$ 200 milhões. Se continuar assim, logo a franquia avança mais uma casa.

O que explica o aumento do valor é também o cachê de Daniel Craig. O astro teria pedido um aumento para retornar por uma última vez.

Mesmo tão caro, 007: Sem Tempo para Morrer ainda não está entre os longas mais caros da história. A primeira posição é de Vingadores: Ultimato, que gastou US$ 356 milhões na produção.

Com Rami Malek como vilão, 007: Sem Tempo para Morrer estreia em 3 de abril de 2020 no Reino Unido e 8 de abril nos Estados Unidos.