Cena devastadora de Star Wars 9 fica ainda pior após você saber disso

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Cuidado! Spoilers de Star Wars: A Ascensão Skywalker.

Em Star Wars: A Ascensão Skywalker, depois que Rey (Daisy Ridley) salva a vida de Kylo Ren (Adam Driver) nos destroços da Estrela da Morte, o vilão tem uma visão de seu falecido pai, Han Solo (Harrison Ford).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O diálogo, que se passa na cabeça de Kylo, é uma das cenas mais emocionantes de Star Wars: A Ascensão Skywalker, evocando a cena em que o próprio mata Han Solo em O Despertar da Força (2015). Porém, essa cena tem um detalhe que evoca um outro filme de Star Wars, o que a torna ainda mais emocionante.

Eu sei…

A cena, que faz com que Ben Solo abandone a identidade de Kylo Ren, é encerrada com o personagem dizendo “Pai…” e engasgando em suas próprias palavras. Han Solo responde com um simples “Eu sei…”.

Essa é uma referência à uma das cenas mais famosas de O Império Contra-Ataca (1980), em que Leia (Carrie Fisher) diz para Han Solo que o ama, e ele responde com “Eu sei”. Ao que tudo indica, a intenção em Star Wars: A Ascensão Skywalker é mostrar que Ben queria dizer que amava o pai nesse momento, mesmo tendo o matado.

Sobre Star Wars: A Ascensão Skywalker

Star Wars: A Ascensão Skywalker é o fim da chamada Saga dos Skywalker, que durou nove filmes. O elenco conta com Daisy Ridley, Adam Driver, John Boyega, Oscar Isaac, Mark Hamill, entre outros. A atriz Carrie Fisher, que vivia a Princesa Leia, está no filme por meio de cenas antigas que foram editadas.

O diretor é J.J. Abrams, que assina o roteiro ao lado de Chris Terrio.

Star Wars: A Ascensão Skywalker está em exibição nos cinemas brasileiros.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio