Uma personagem importante foi deixada de fora da ação em Star Wars: A Ascensão Skywalker, e os fãs estão se levantando para defendê-la.

Em um claro esforço para retroceder algumas das escolhas feitas pelo diretor e roteirista Rian Johnson em Star Wars: Os Últimos Jedi, J.J. Abrams trouxe a história de volta às raízes de Star Wars: O Despertar da Força. Infelizmente, uma das escolhas de Abrams se mostrou controversa: ele e o co-roteirista Chris Terrio basicamente afastaram Rose Tico (Kelly Marie Tran), personagem que Johnson introduziu no capítulo anterior.

Uma jovem e destemida mecânica tentando vingar a morte de sua irmã e apoiar a Resistência, Rose foi uma adição em Star Wars: Os Últimos Jedi. O filme parecia criar um arco maior para Rose seguir em frente, mas nada aconteceu em Star Wars: A Ascensão Skywalker.


Em vez de deixar Rose entrar em ação ao lado de Finn, Poe e Rey, Abrams e Terrio basicamente excluíram Rose da trama. Por causa disso, alguns fãs querem justiça pela personagem.

Não foi a vez de Rose em Star Wars: A Ascensão Skywalker

Depois de ajudar Finn durante uma excursão a Canto Bight e lutar nas linhas de frente da batalha final contra a Primeira Ordem durante Star Wars: Os Últimos Jedi, Rose poderia ter sido incluída em qualquer uma das missões de Star Wars: A Ascensão Skywalker. Teria feito sentido que Rose estivesse envolvida na trama central, mas ela foi mantida fora de vista.

Isso é especialmente decepcionante, considerando que Rose encerrou Star Wars: Os Últimos Jedi com o primeiro momento de uma potencial história de amor. Depois de impedir Finn de fazer um movimento arriscado e suicida em seu speeder durante a batalha final do filme e quase se sacrificando para salvá-lo, o casal compartilhou um beijo apaixonado.

No entanto, quando chegamos aos eventos de Star Wars: A Ascensão Skywalker, Finn voltou a seguir Rey como um filhote apaixonado. Tudo o que Rose recebe no final do filme é um breve tapinha no ombro enquanto Finn parte em busca de seus amigos.

Redenção para Rose – e para Kelly Marie Tran

A parte mais triste de toda essa situação é que Abrams parece estar validando algumas das críticas mais cruéis dos fãs de Star Wars, frequentemente divididos. Durante uma turnê de imprensa, Abrams criticou as escolhas que Johnson fez durante Star Wars: Os Últimos Jedi.

Ao deixar bem claro, dentro dos limites narrativos de Star Wars: A Ascensão Skywalker, que Rose era outro elemento que ele queria revisar, Abrams também deu às vozes mais raivosas da franquia um novo grito de guerra.

Após o seu papel em Star Wars: Os Últimos Jedi, Kelly Marie Tran enfrentou uma quantidade sem precedentes de reação negativa, deixando as mídias sociais e desaparecendo amplamente dos olhos do público depois de ser atacada por parte dos fãs de Star Wars. Algumas dessas mesmas pessoas tomaram a participação diminuída de Rose em Star Wars: A Ascensão Skywalker como um sinal de que elas podem estar certas.

Felizmente, Tran – que já ofereceu algumas reações ao seu papel em Star Wars: A Ascensão Skywalker, incluindo risadas quando um repórter perguntou se ela estava feliz com o arco pessoal de Rose – tem muitos fãs que a apoiam. Fãs de Star Wars foram ao Twitter para defender a atriz, exigindo justiça por seu papel diminuído.

Um usuário do Twitter escreveu: “O que Star Wars: A Ascensão Skywalker fez com Rose Tico é inescrupuloso. Kelly Marie Tran tem menos tempo de exibição do que o novo personagem aleatório de Dominic Monaghan.”

Enquanto isso, o ator Rahul Kohli escreveu: “Eu não me importo com seus sentimentos em relação a Star Wars, Os Últimos Jedi ou A Ascensão Skywalker… Todos nós devemos ficar com nojo da maneira como Kelly Marie Tran foi tratada. Foi sujo.”

Star Wars: A Ascensão Skywalker está em cartaz nos cinemas.