Depois de mais de 40 anos, a Saga Skywalker finalmente chegará ao fim com Star Wars: A Ascensão Skywalker, que chega aos cinemas nessa semana.

Segundo informações do Deadline, o capítulo final deve marcar um fim de semana de abertura com valores em torno de US$ 450 milhões. Esse número ficaria aquém da abertura de O Despertar da Força, que foi de US$ 528,9 milhões, e mais em linha com Os Últimos Jedi, que faturou US$ 450 milhões.

Considerando que O Despertar da Força arrecadou, ao todo, cerca de US$ 2,068 bilhões, é improvável que, com essas previsões, A Ascensão Skywalker consiga superar esse valor.


Isso, consequentemente, também frustraria as expectativas dos fãs que o novo filme pudesse talvez alcançar os US$ 2,796 bilhões de Vingadores: Ultimato, a maior bilheteria da história.

“Com o retorno do Imperador Palpatine, todos voltam a temer seu poder e, com isso, a Resistência toma a frente da batalha que ditará os rumos da galáxia. Treinando para ser uma completa Jedi, Rey ainda se encontra em conflito com seu passado e futuro, mas teme pelas respostas que pode conseguir a partir de sua complexa ligação com Kylo Ren, que também se encontra em conflito pela Força”, diz a sinopse.

Star Wars: A Ascensão Skywalker chega aos cinemas brasileiros em 19 de dezembro.