Era Uma Vez em Hollywood chegou aos cinemas em agosto do ano passado e, apesar de dividir o gosto do público, acabou agrando a crítica especializada no geral.

O filme lançado nas telonas teve 161 minutos de duração, enquanto seu lançamento digital em novembro deu aos espectadores mais de 20 minutos de cenas adicionais – incluindo uma cena deletada com o falecido ator Luke Perry.

Versão estendida?

Rumores recentes revelaram, no entanto, que existe uma versão ainda mais longa do filme, com 4 horas de duração.


Em uma entrevista com Collider, Tarantino sentou-se junto com as estrelas do filme Brad Pitt e Leonardo DiCaprio para discutir quando os espectadores verão esse corte estendido.

“Está tudo bem. Está tudo ótimo. Não sei se uma plateia aceitaria, mas eu adoro. Então, mostramos a Tom Rothman [chefe da Sony] e foi como ‘OK, aqui está tudo. Sabemos que é um filme, mas talvez você possa nos ajudar porque gostamos de tudo’.”

Pitt então entrou na conversa, perguntando: “A verdadeira questão é: vamos ver isso de um jeito ou de outro?”

Tarantino respondeu: “Ei, olha, está tudo bem, então, quando tudo estiver dito e feito, talvez daqui a um ano, provavelmente o faremos”.

Era Uma Vez em Hollywood faturou, ao todo, US$ 372 milhões em bilheteria.