Foi noticiado ontem a noite que Scott Derrickson, diretor de Doutor Estranho (2016) e que estava trabalhando na sequência, deixou seu cargo.

Segundo as informações do site norte-americano, que foram também confirmadas por representantes da Marvel, a saída aconteceu devido a diferenças criativas entre o diretor e o estúdio.

Fazendo piada

Até o momento, o único membro da equipe do longa a se pronunciar publicamente foi o roteirista C. Robert Cargill, que preferiu tratar a situção com bom humor no Twitter.


“Oh, então vai ser uma noite tranquila, entendo”, disse ele, ironizando o fato de os fãs da Marvel estarem enlouquecidos com a situação nas redes sociais.

Ele também zombou um pouco do filme Cats, brincando que ele e Derrickson estariam colaborando em uma sequência da grande bomba de críticas e bilheteria de 2019.

“Então, acho que é seguro anunciar que Scott Derrickson e meu próximo filme, CATS 2: THE FURRENING, está sendo movido para frente e deve ser filmado em breve.”

Doutor Estranho: No Multiverso da Loucura traz Benedict Cumberbatch de volta como o herói do título. Elizabeth Olsen, a Feiticeira Escarlate, também estará no longa. O filme estreia em 6 de maio de 2021.