O Homem-Aranha introduziu um grande furo de roteiro no Universo Cinematográfico Marvel quando ele estreou em Capitão América: Guerra Civil.

Durante a épica batalha no aeroporto entre os Vingadores, o herói propõe um plano para derrubar o Homem-Formiga gigante inspirado em Star Wars: O Império Contra-Ataca.

Sabíamos que Star Wars já existia no MCU antes, porque Steve Rogers o incluía em sua lista de itens culturais, mas foi a primeira vez que um personagem fez uma referência específica e se mostrou como fã.


Furo de roteiro?

O “furo de roteiro” parte de que Samuel L. Jackson interpretou personagens importantes tanto no MCU quanto em Star Wars, com seus papéis como Nick Fury e Mace Windu.

Ninguém comentou sobre a vida passada de Fury como um mestre Jedi, e isso foi bom até Peter Parker conhecer oficialmente Fury em Homem-Aranha: Longe de Casa.

Mas agora tínhamos um superfã de Star Wars que nem sequer mencionou a semelhança entre os dois. No entanto, uma teoria do usuário do Reddit, yomyoo, potencialmente resolveu esse problema.

A teoria argumenta que a trilogia prequel de Star Wars realmente não existe no MCU, o que significa que o próprio Mace Windu não existe.

E, em grande parte, a teoria se mantém, pois também explica por que ninguém mencionou nos dois primeiros filmes de Thor que Jane Foster se parece muito com Padmé Amidala.

O próximo filme da Marvel a chegar aos cinemas é Viúva Negra, que teve sua estreia adiada por tempo indeterminado por conta do coronavírus.