Filmes envolvendo a relação entre humanos e cachorros costumam ser grandes sucessos de público, mas não foi o que aconteceu com o mais recente deles.

Prejuízo milionário

O Chamado da Floresta, estrelado pelo ator Harrison Ford, já causou um prejuízo mais de 50 milhões de dólares (cerca de 220 milhões de reais) aos cofres dos estúdios Disney.

Até o momento, o longa, que estreou em 21 de fevereiro, faturou apenas US$ 79 milhões em bilheteria.


O valor não chega nem perto dos US$ 125 milhões gastos na produção, que custou caro devido ao fato de o cachorro que protagoniza o longa ter sido inteiramente criado por computação gráfica.

Vale lembrar que também existem outros custos como os gastos com o marketing para divulgação da estreia.

Outro ponto interessante é que o filme foi produzido pela FOX, mas como o estúdio foi comprado pela Disney no ano passado, todo o prejuízo cairá sobre os cofres de sua nova casa.

O Chamado da Floresta está em exibição nos cinemas brasileiros.