Publicidade

Encontrado em Vingadores Ultimato o easter egg mais sombrio da Marvel

Publicado por Redação

12/04/2020 23:00

Os filmes da Marvel são em sua grande maioria obras que são feitas para “toda a família”, ou seja, evitam cenas muito chocantes e temas espinhosos. Mesmo assim, Vingadores: Ultimato trouxe o easter egg mais sombrio de toda a franquia.

Secretamente, os Irmãos Russo (diretores de Vingadores: Ultimato), inseriram no longa uma referência bem macabra a um dos momentos mais terríveis da história do Capitão América.

O ScreenRant falou sobre esse easter egg de Vingadores: Ultimato em um artigo.

Roscoe Simons, o Capitão América crucificado

Vingadores: Ultimato termina com o Capitão América passando o seu escudo para o Falcão/Sam Wilson, e apesar de isso acontecer nos quadrinhos da Marvel, outras “aposentadorias” diferentes de Steve Rogers também foram apresentadas.

Um personagem chamado Roscoe Simons foi outro herói da Marvel que recebeu o título de Capitão América das mãos de Steve Rogers. Porém, na HQ Capitão América #182, Simons foi brutalmente assassinado pelo Caveira Vermelha, que o capturou por tê-lo confundido com Rogers.

Essa morte brutal fez com que Rogers voltasse a ser o Capitão América, buscando levar justiça para o Caveira Vermelha. Apesar de ser pouco conhecido, Roscoe Simons foi citado sutilmente em Vingadores: Ultimato.

Roscoe em Vingadores: Ultimato

Em uma piada irônica, Vingadores: Ultimato relembra Roscoe de uma forma totalmente brutal.

Ao viajar ao Camp Lehigh nos anos 70 ao lado de Tony Stark, Steve Rogers diz que seu nome é “Roscoe” para se disfarçar. Essa referência foi certamente uma forma dos Irmãos Russo “homenagearem” Roscoe, o jovem Capitão América que morreu cedo demais.

Relembrar um personagem da Marvel assassinado brutalmente de uma forma tão trivial é de fato algo que o MCU não costuma fazer. De qualquer forma, a referência está lá e os fãs mais obcecados pela Marvel certamente entenderam o que ela quis dizer.

Vingadores: Ultimato está disponível em DVD e Blu-ray.

Publicidade