Publicidade

Rambo: Revelada a curiosa origem do personagem de Sylvester Stallone

Publicado por Victor Carvalho

24/04/2020 20:00

John Rambo é um veterano do exército durão que lida com estresse pós-traumático. Interpretado por Sylvester Stallone na famosa série de filmes Rambo, ele se tornou um personagem cuja história de fundo confunde as linhas de fato e ficção.

O Observatório do Cinema coletou todos os detalhes sobre Rambo. Para ficar por dentro de tudo, basta continuar lendo.

John Rambo é uma pessoa real ou é baseado em uma história da vida real?

John Rambo é um personagem escrito por David Morrell, um escritor que não tem registro de servir no exército, acredita-se.

Como resultado, esse personagem não é necessariamente baseado em ninguém em particular, o que significa que ele é totalmente ficcionalizado.

Segundo Morrell, o nome surgiu depois que ele encontrou uma marca de maçã chamada Rambo na Pensilvânia.

A maçã recebeu o nome de Peter Gunnarsson Rambo, que descobriu novas sementes de maçã que mais tarde foram cultivadas em Delaware, Pensilvânia e Nova Jersey.

Quando Morrell ouviu o nome, ele disse que se inspirou no “som da força” no nome Rambo e o usou em seu personagem.

No entanto, Morrell também pretendia que o nome fosse semelhante ao do autor Arthur Rimbaud, que escreveu um livro de prisioneiro de guerra chamado Uma Temporada no Inferno.

Além disso, o nome de um soldado chamado Arthur John Rambo é visível no Memorial da Guerra do Vietnã, em Washington DC, e especula-se que também tenha inspirado o personagem.

Ele era um veterano da vida real, mas esse Rambo nunca retornou da guerra e não era a base para o personagem.

No romance e no primeiro filme, Rambo apareceu como um soldado com estresse pós-traumático e teve dificuldade em se adaptar à vida normal.

Ele é propenso à violência por causa da tortura que sofreu na guerra e, em filmes e romances posteriores, foi visto como alguém tentando evitar conflitos, ao mesmo tempo em que estava disposto a lutar e fazer qualquer coisa para salvar aqueles que estavam perto dele.

John Rambo foi visto pela primeira vez no romance First Blood, de 1972, onde é encontrado pedindo carona no Kentucky.

Ele é preso por vadiagem e, enquanto está em uma pequena cela, começa a ter flashbacks de seus dias como prisioneiro de guerra no Vietnã e começa a combater a polícia que o mantém.

Alguns policiais tentam cortar seu cabelo, fazer sua barba e depois matá-lo, mas Rambo foge e se esconde nas montanhas, enquanto se torna o foco de uma caçada humana.

Rambo é caçado pelo coronel das forças especiais Sam Trautman e pelo xerife Teasle, que originalmente o prendeu, em um final cheio de tensão.

Nisso, Rambo e Teasle têm uma longa luta, onde Rambo se mata depois de atirar em Teasle, o que eventualmente leva à morte de Teasle.

O primeiro filme, como já deu para notar, é um pouco diferente, onde Rambo se rende a Trautman ao invés de se matar, o que levou a um grande número de sequências.

O filme mais recente, Rambo: Até o Fim, causou alguns problemas a David Morrell, e ele chegou a fazer duras críticas ao longa nas redes sociais.

Estrelado por Sylvester Stallone, Rambo: Até o Fim chegou aos cinemas em 2019.

Publicidade