Assim como Vingadores: Ultimato, Vingadores: Guerra Infinita é um filme cheio de referências. Não apenas isso, segredos escondidos pela Marvel.

Um deles acaba de ser revelado. Novamente, a escolha de um traje não é uma mera decisão sobre o que vestir.

O CBR explicou a história por trás de um dos trajes usados pelo Capitão América em Vingadores: Guerra Infinita. Vale notar que em Vingadores: Ultimato, o herói passou pela mesma situação (veja mais aqui).


No começo de Vingadores: Guerra Infinita, o Capitão América está com um traje mais simples e sombrio. É a representação dele para os Vingadores Secretos.

A história do Capitão América

As trocas de figurino de Steve Rogers na Marvel sempre foram simbólicas. Nesse caso, parece uma troca, mas realmente não é.

Como é notado, o traje usado por Steve Rogers é o mesmo de Capitão América: Guerra Civil. Como está em fuga, a escolha do herói é apenas de adaptar o uniforme enquanto o mesmo vai envelhecendo.

No MCU, o universo cinematográfico, ficou estabelecido que Tony Stark, o Homem de Ferro, cuidava dos trajes dos heróis. Como eles entraram em conflito, o Capitão América não tinha mais esse acesso.

Uma interessante referência dos quadrinhos é que essa também pode ser uma homenagem ao Nômade. Steve Rogers usa essa identificação quando deixa de ser o Capitão América nas HQs.

O uniforme é bastante estranho nesse caso, mas assim como em Vingadores: Guerra Infinita, não apresenta os elementos do traje clássico do Capitão América. Veja abaixo.

Vingadores: Guerra Infinita está disponível nas plataformas digitais.