A DC precisará dar uma explicação concreta aos fãs sobre o status do universo cinematográfico da editora. Parece existir uma divisão nesse mundo.

Enquanto Aquaman ignorou os acontecimentos de Liga da Justiça e The Batman lançará um novo Homem-Morcego, Mulher-Maravilha 1984 ainda usará os antigos longas da DC. A informação foi confirmada pela revista Empire.

A publicação afirma que Mulher-Maravilha 1984 está na mesma continuidade de Batman vs Superman: A Origem da Justiça. Dessa forma, ainda considera oficial a história do Homem de Aço de Henry Cavill.


A informação é de que Diana, a personagem de Gal Gadot, trabalha em um Museu Smithsoniano. O objetivo dela é encontrar itens místicos.

Assim, o filme deve explicar como a Mulher-Maravilha encontra o Batman e o Superman no longa de 2016.

Indefinição na DC

O problema nessa história é que isso pode indicar um fim para Mulher-Maravilha. Ben Affleck não volta mais como Batman na DC.

Além disso, a situação de Henry Cavill é indefinida. O ator quer fazer mais filmes do Superman, mas a DC não se pronuncia.

Ao considerar a história do personagem ainda oficial, a DC dá um duplo indicativo. Ou ainda pretende contar com Henry Cavill, que tem a situação aberta, ou prepara a despedida de Gal Gadot como Mulher-Maravilha.

O filme Mulher-Maravilha 1984 trará ainda os personagens Maxwell Lord (Pedro Pascal) e Mulher-Leopardo (Kristen Wiig). A dupla deve trazer os dois principais desafios da heroína.

A direção do longa é de Patty Jenkins.

Mulher-Maravilha 1984 chega em 13 de agosto nos cinemas.