Jackie Chan poderia ter aparecido em O Demolidor como o vilão, ao lado de Sylvester Stallone, mas o ator recusou o papel. O papel do criminoso e anarquista assassino de O Demolidor, Simon Phoenix, finalmente foi para Wesley Snipes e se tornou um dos maiores papeis de Snipes no início dos anos 90.

O Demolidor é um filme de ficção científica de 1993 ambientado em 2032, que conta a história de John Spartan (Stallone), um policial respeitado e capaz que tentou em vão salvar reféns de seu inimigo, Simon Phoenix (Snipes). Após uma falsa acusação de Phoenix deixar Spartan com problemas, os dois homens são colocados em sono criogênico.

Depois que Phoenix sair do confinamento e começar uma onda de crimes no futuro, Spartan é despertado para se juntar à força policial para enfrentá-lo.


Embora em retrospecto, Snipes sinta que ele era o ator perfeito para interpretar Simon Phoenix, ele não era o único ator em mente para o papel. Por sugestão de Sylvester Stallone, o papel foi oferecido a Jackie Chan, que nessa época estava fazendo filmes de ação em Hong Kong, como os filmes Police Story – A Guerra das Drogas e Dragões em Dose Dupla.

Como apurado pelo Observatório do Cinema, Chan recusou o papel porque não tinha certeza de como seu desempenho como vilão seria recebido [via AMC]. Por décadas, Jackie Chan interpretou apenas heróis, e os fãs geralmente esperavam que Jackie Chan fosse o protagonista principal.

Não foi até os anos 2000 e sua parceria com Chris Tucker em A Hora do Rush que Chan começou a interpretar papeis coadjuvantes com mais regularidade, e mesmo agora, Chan ainda está associado a interpretar personagens de boa índole.

Jackie Chan como vilão?

É certo que Chan já interpretou um vilão antes, mas apenas no início de sua carreira. Em três filmes do início dos anos 1970 – o mais notável é O Jovem Tigre -, Chan interpretou vilões que tiveram que ser derrotados pelo herói principal.

Mais tarde, quando ele foi escalado para protagonizar vários filmes de kung fu, foi feita uma tentativa de transformar Jackie Chan no próximo Bruce Lee. Foi somente quando Chan foi autorizado a inserir comédia em sua atuação que a reputação que ele tem hoje começou a se formar.

Semelhante a atores como John Wayne e Tom Cruise, Jackie Chan criou uma imagem de seus filmes. Enquanto alguns atores temem ser estragados, o ícone das artes marciais abraçou as expectativas que os fãs têm sobre ele gravitando em papeis heroicos que podem acomodar seu estilo de atuação cômica.

Portanto, mesmo que O Demolidor tivesse atraído uma quantidade significativa de atenção simplesmente por Chan ser um criminoso do mal, faz sentido porque ele sentiu que interpretar um psicopata do mal teria entrado em conflito com sua imagem heroica.