A Liga da Justiça de Zack Snyder está confirmada para ser lançada na HBO Max. O fato é uma conquista para os fãs, que fazem campanhas desde 2017.

A versão de Zack Snyder de Liga da Justiça ainda não está totalmente concluída, e atualmente não se sabe qual formato vai ter (um filme longo ou uma minissérie com seis episódios).

A estreia, no entanto, está marcada para acontecer em 2021 no HBO Max, o serviço de streaming da Warner Bros.


O que esperar

O The Hollywood Reporter afirma que o filme da DC pode ganhar mais novidades do que inicialmente teria. A informação é de que o elenco pode voltar para gravar novas cenas, além das inéditas que estão preparadas para esse corte de Liga da Justiça.

O site afirma ainda que os atores podem ter que gravar mais diálogos. Ray Fisher, intérprete do Ciborgue, foi o primeiro a receber a ligação de Zack Snyder.

“Ele me respondeu, ‘Você está brincando, certo?'”, comentou Zack Snyder.

Assim, pode ser que Henry Cavill, Jason Momoa, Gal Gadot e Ben Affleck também retornem. Os famosos vivem, respectivamente, o Superman, Aquaman, Mulher-Maravilha e Ben Affleck.

Por enquanto, não há um cronograma para as gravações dessas cenas. A Liga da Justiça de Zack Snyder ainda tem que passar pela pós-produção.

Novo vilão

Em um artigo aprofundado sobre o corte de Snyder, o Hollywood Reporter confirmou que sim, espera-se que Darkseid faça uma aparição no produto final.

Foi dito que Darkseid estaria aparecendo em Liga da Justiça quase antes da estreia do filme, e Snyder indicou o papel do deus superpoderoso nos anos seguintes.

Ray Porter, que foi escalado para dar voz a Darkseid no filme, também defendeu o lançamento do Snyder Cut por um bom tempo.

“Nova experiência”

Liga da Justiça foi lançado em 2017 e foi marcado por uma produção turbulenta. Zack Snyder se afastou do filme no meio do trabalho por problemas pessoais, devido à morte de uma de suas filhas, e acabou sendo substituído por Joss Whedon (Os Vingadores).

O filme passou por muitas refilmagens e cortes e acabou fugindo muito da visão que Snyder pretendia inicialmente.

Agora, o diretor da DC celebra e afirma que o filme será “uma nova experiência”.

“Será algo completamente novo e especialmente pegando aqueles que já viram a versão lançada, será uma nova experiência separada daquele filme. Você possivelmente só viu um quarto do que eu fiz”, contou o cineasta.