A franquia Velozes e Furiosos não tem medo de brincar com a realidade e criar tramas absurdas. Velozes e Furiosos 9 já mostrou a que veio nesse sentido.

No trailer oficial do filme, foi revelado o surpreendente retorno de Han Lue (Sung Kang), que supostamente teria morrido em Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio (2006).

Em Velozes e Furiosos 6 (2013), foi revelado que Han foi assassinado por Deckard Shaw, que se vingou do que os protagonistas fizeram com o irmão, Owen Shaw. Han ganhou até um funeral no sétimo filme da franquia, o que indicava que ele estava de fato morto.


Porém, com a campanha dos fãs de Velozes e Furiosos na internet, que pediam #JusticaParaHan, a franquia decidiu trazer o personagem de volta no nono filme.

Mas como Han pode estar vivo em Velozes e Furiosos 9? Nós vimos o carro dele explodindo nos filmes anteriores, não é mesmo? Veja algumas teorias a seguir.

Ele escapou da explosão

Em Desafio em Tóquio, fica claro que Han está no carro que explode, mas nada impede que Velozes e Furiosos 9 mude isso de vez, mostrando Han escapando do carro em um flashback.

Essa solução seria bem simples – e boba – mas ainda assim, seria uma explicação efetiva para o retorno de Han em Velozes e Furiosos 9.

A tecnologia de Hobbs & Shaw reviveu Han

Em Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw, derivado lançado em 2019, o vilão Brixton Lore é revelado como alguém que “voltou” da morte.

Depois de ser baleado por Deckard, o corpo de Brixton foi recolhido pela empresa Eteon, que o transformou em uma espécie de ciborgue, ressuscitando o homem. É possível que Velozes e Furiosos 9 use o mesmo método para explicar o retorno de Han.

Essa seria uma boa forma de amarrar a franquia principal com o derivado (que deve ter sequência), tornando o universo de Velozes e Furiosos mais coeso.

De qualquer forma, agora resta saber como Velozes e Furiosos 9 vai explicar o tão esperado retorno de Han.

Velozes e Furiosos 9 estreia em abril de 2021.