Charlize Theron, a vilã Cipher de Velozes e Furiosos, não esconde sua empolgação em virar super-heroína na Netflix.

A atriz vai estrelar a adaptação de HQ The Old Guard, sobre um grupo de guerreiros imortais que protegem o mundo há séculos, em seu primeiro papel como heroína de quadrinhos.

Apesar da origem sobrenatural de sua personagem, Charlize Theron afirma que ela tem características humanas:


“Minha reação inicial quando li a HQ The Old Guard foi de sentir que havia algo muito pé no chão em Andy”, disse a atriz em entrevista à Empire.

“Foi isso que me empolgou: apesar do conceito, ela parecia alguém real, e não uma personagem de fantasia, continuou. “Então, eu tentei trazer uma genuína exaustão para ela, e não ficar empacada na ideia de que ela viveu milhares de anos, já viu de tudo, e que conhece todo tipo de arte marcial que existe”, finalizou.

A trama

The Old Guard segue um grupo de imortais que trabalham como mercenários. Sua nova missão é tentar fazer contato com alguém como eles, que recentemente despertou para sua imortalidade.

A série de quadrinhos conta a história de Andy, vivida por Charlize Theron, uma mulher que é uma das poucas pessoas que não podem morrer, até morrerem. Embora eles sejam capazes de curar a maioria das possíveis feridas fatais, em algum momento a morte chega.

Eles trabalham juntos como uma pequena tropa mercenária de elite, e conseguiram manter sua existência em segredo do mundo em geral. Os avanços da tecnologia ao longo da era da informação representam uma nova ameaça ao sigilo contínuo de sua existência.

O filme da Netflix também é estrelado por KiKi Layne, Marwan Kenzari, Matthias Schoenaerts e Chiwetel Ejiofor (Pantera Negra).

The Old Guard chega a Netflix no dia 10 de julho.

Veja o trailer